Projeto das “Salas de Acolhimento” é aprovado em primeira votação

Na quarta-feira, dia 28 de outubro, foi aprovado em primeira votação, no Plenário da Câmara Municipal de São Paulo, o projeto de lei (PL)103/2015, de autoria do vereador Valdecir Cabrabom, que cria as “Salas de Acolhimento” ao acompanhante que passa a noite ou longos períodos em hospitais da rede pública.

De acordo com o PL, os locais reservados terão banheiro, sofá ou poltronas e uma área para aquecer alimentos, dando condições básicas para que o cidadão passe os dias ao lado do internado.

Segundo o vereador Valdecir Cabrabom, este é um importante passo, e as salas de acolhimento serão fundamentais no auxílio de tratamentos médicos e internações, já que o acompanhante tem papel fundamental na recuperação do enfermo.

“Hoje, apesar de ser autorizada a permanência de uma pessoa com o internado, muitas vezVereador Cabrabomes não existem condições mínimas de repouso e higiene, o que pode afetar o apoio psicológico e moral que se deve dar a quem está doente”, salientou Cabrabom.

O documento explica, ainda, que as salas serão instaladas com prioridade nas alas destinadas ao tratamento de crianças, idosos e deficientes físicos ou mentais, respectivamente.

Postado em 28/10/2015